| | EN PT

16/12/2019

Uso correto do insumo é determinante para produtividade

Um dos fatores que mais influenciam se a lavoura terá ou não sucesso é o uso correto de fertilizantes e como esse manejo é feito. Para auxiliar o produtor a traçar a estratégia correta na soja e como proceder com manejo dos nutrientes do solo conversamos com  Fábio Ono, Pesquisador em Solos e Sistemas de Produção na Fundação MT.

Portal Agrolink: o que podemos destacar de pesquisas que apontem o melhor caminho para escolha da adubação?

Fábio: as pesquisas realizadas são úteis para um melhor posicionamento da adubação. O ideal é que os resultados de pesquisas utilizados sejam regionais e levem em consideração as condições locais (solo, clima, manejos, etc.), ou seja, o estado do Mato Grosso é muito extenso, então não seria o ideal usar um resultado de pesquisa que foi obtido em uma região específica e extrapolar para todo o estado ou para o Brasil. Para cada condição local, ou seja, para cada região de um estado, é possível utilizar os resultados de pesquisas para definir as doses de fertilizantes e corretivos a serem aplicadas, o momento e o modo ideal de aplicação em cada cultura e o tipo de produto a ser usado.

Portal Agrolink: a análise de solo é indispensável?

Fábio: é indispensável, pois com a análise de solo é possível saber o nível de fertilidade química do solo do produtor e ajustar as adubações. O fator mais importante para recomendar uma adubação é saber o histórico da lavoura (quanto tempo de cultivo, quais culturas cultivadas, quais manejos praticados ao longo dos anos, quais correções do solo houve, quais adubações foram realizadas, etc.) associado ao nível de fertilidade atual por meio da análise de solo.

Portal Agrolink: como o produtor deve proceder em solos arenosos?

Fábio: em solos arenosos há a necessidade de sempre ter cobertura no solo (palhada sobre o solo) e para isso o produtor terá que fazer plantio direto (não realizar mais o revolvimento do solo) e sempre adicionar plantas de cobertura na safrinha (exemplo: braquiárias, milheto, crotalária, etc). Em solos arenosos, as plantas de cobertura, além do papel de proteção do solo, também têm um grande papel de ciclagem de nutrientes, muito importante para os nutrientes móveis (potássio, enxofre, boro, etc.).

Portal Agrolink: qual ou quais os principais elementos que são indispensáveis no manejo de adubos no solo para ter bom desempenho?

Fábio: conhecer muito bem o histórico da área, acompanhar a fertilidade do solo por meio das análises químicas, corrigir o pH do solo utilizando calcário, aumentar carbono no solo por meio de produção de palhada, adubar de forma equilibrada, utilizar a fonte de adubo certa e aplicar de forma correta para cada tipo de solo.

Portal Agrolink: quais as consequências de uma adubação mal feita tanto com deficiência ou excesso? A fertilização errada pode acarretar doenças?

Fábio: a adubação tem que ser feita de forma equilibrada, sem muitos excessos e sem faltas de nutrientes. O excesso de adubação, além de ser um gasto desnecessário com a adubação levando em conta também o preço elevado dos adubos ultimamente, pode acarretar toxidez às plantas principalmente quando se trata de adubação com micronutrientes. Uma planta com deficiência de nutrientes tem menor desenvolvimento, produz menos grãos e fibras, podendo estar propícia a certas doenças. É comum observar no campo plantas com deficiência de potássio e com maior incidência de ataques de doenças. Sabe-se que plantas deficientes em potássios são mais sujeitas a uma maior incidência de doenças.

 

https://www.agrolink.com.br/noticias/uso-correto-do-insumo-e-determinante-para-produtividade_427309.html

Publicações Relacionadas

SLC Sementes lança portal para rastreio e gestão de qualidade de sementes

A SLC Sementes, marca da SLC Agrícola voltada a levar ao produtor brasileiro acesso às variedades de sementes de soja com os maiores potenciais produtivos do mercado, está lançando o Portal do Cliente, uma ferramenta inovadora que tem como objetivo facilitar a gestão de sementes adquiridas pelo produtor.

21/08/2020

SLC Sementes vence 12º Desafio de Máxima Produtividade por recorde em fazenda goiana

Fazenda Pamplona, em Luziânia (GO), atingiu marca de mais de 94 sacas por hectare em soja não-irrigada

30/07/2020

Programa garante 90% de germinação em soja

O Programa SLC Sementes Garante 90% de germinação em soja (em até 7 dias em condições adequadas de umidade e temperatura. Confira mais detalhes no vídeo.

16/07/2020

Dias de Campo da SLC Sementes apresentam novas cultivares e técnicas de produção

Os eventos ocorrerão em Fazendas da SLC Agrícola com palestras e visitas às áreas de pesquisa.

20/01/2020